C

cfc

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Ministério da Justiça não confirma transferência de presos para o RN

Após o “maior massacre do sistema prisional” ocorrido em Manaus (Amazonas) no início do ano, os envolvidos e os chefes que lideraram o motim  foram transferidos para o Mato Grosso do Sul, na Penitenciaria Federal do Campo Grande. Embora não se tenha confirmação o número exato de transferidos pelo Depen – Departamento Penitenciário Nacional, do Ministério da Justiça.

Além de Campo Grande, especulações na imprensa local e nacional, sinalizavam que cinco dos líderes de facções envolvidos na rebelião teriam como destino a Penitenciária Federal de Mossoró. A Corregedoria Judicial da unidade prisional, através da assessoria de imprensa da Justiça Federal no RN, não confirma a informação, afirmando se tratar de um assunto sigiloso.

Fonte:http://blogdoserido.com.br/noticias/

Nenhum comentário: