C

terça-feira, 21 de março de 2017

Portal da Mulher será lançado próximo dia 21

Iniciativa do Governo do Estado por meio da Secretaria para as Mulheres visa oferecer suporte as vitimas de violência no RN

A Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres do RN (SPM/RN) lança no próximo dia 21 de março, às 10h, no auditório da governadoria, o Portal da Mulher Potiguar. A ferramenta é um marco no apoio às vítimas de violência doméstica no Rio Grande do Norte, onde 40% das mulheres disseram já ter sofrido algum tipo de violência.

O endereço mulherpotiguar.rn.gov.br servirá de suporte para as mulheres e oferece vários espaços nos quais elas podem efetuar denúncias, reconhecer se são ou estão submetidas a algum tipo de agressão e ainda receber orientações sobre onde encontrar ajuda e outros encaminhamentos. O site é fruto da parceria entre Governo do Estado, via equipe do Sistema CERES* com apoio logístico da Universidade Potiguar.

Através do portal, também será possível mapear casos, quantificando com precisão as ações violentas ao qual são submetidas às potiguares. Os dados - importantes para o desenvolvimento de políticas públicas voltadas para o segmento feminino - são encaminhados à coordenadoria de Mulheres e Minorias, vinculado a Secretaria de Segurança Pública. "A violência contra a mulher no Brasil é um assunto muito mais presente e assustador do que pode parecer. Temos uma subnotificação e os números podem ser mais alarmantes. O Portal dará voz a muitas vítimas que estão sofrendo silenciosamente”, declarou a titular da SPM, Flávia Lisboa.

Ela explica que o Portal é um canal de comunicação digital e ágil, um espaço virtual criado para a valorização das norte-rio grandenses, sendo um ambiente voltado à orientação, informação e ajuda a todas aquelas que sofrem violência doméstica. "Visa esclarecer dúvidas sendo mais um instrumento para denúncias, informação e apoio", complementa.

REVISTA NÓS

Por ocasião do lançamento do Portal da Mulher Potiguar também será lançada a Revista  "Nós, do RN" que chega a sua edição de número 109 e apresenta a mulher potiguar em diversos aspectos. Com colaborações de várias jornalistas, entre elas Cledivânia Pereira, Flávia Freire, Larisse de Souza, Mariele Araújo, Marília Rocha, Rosilene Pereira e Simone Silva, entre outros, possui 36 páginas e tem como um dos destaques ensaio fotográfico que apresenta a beleza e a força da mulher negra. Criada em 2004 pelo jornalista Miranda Sá, a publicação sempre trouxe em suas páginas textos dos melhores nomes das letras, abordando temas da cultura potiguar.

Serviço
Lançamento Portal da Mulher Potiguar

Dia: 21 de Março, terça-feira

Local: Auditório da Governadoria, Centro Administrativo

Hora: A partir das 10h

*CERES
Projeto iniciado pela EMATER que vincula alunos da Universidade Potiguar ao desenvolvimento de software no Governo do estado. A
plataforma, que já virou referencia nacional, é utilizada em vários órgãos e secretarias de estado, agora também servindo de base para o
Portal da Mulher Potiguar. Atualmente é um projeto de pesquisa vinculado ao e-labora da UNP, e conta com diversos TCCs, material que
visa o fortalecimento da plataforma de desenvolvimento de software no RN. O nome CERES vem da Deusa da Agricultura.

Assecom-RN
(84) 3232-5204 / 5152
Site oficial: www.rn.gov.br
Twitter oficial: @governodorn

Nenhum comentário: