3a1

iure veiculos

iure veiculos

AM CARNES

AM CARNES

CREART

CLINICA TRAIRI

CLINICA TRAIRI

pedra cell

rede con

rede con

MARMORARIA

MARMORARIA

apolo

apolo

CASA DO MATUTO

CASA DO MATUTO

Drogaria Topázio

Drogaria Topázio

segunda-feira, 16 de novembro de 2020

Carnaúba dos Dantas eleger a primeira Mulher Trans Vereadora do Rio Grande do Norte

Thabatta Pimenta teve 267 votos e vai ocupar um das nove cadeiras na Câmara Municipal. Ela promete lutar em favor das minorias.

Por Julia Galvão, G1 RN
Thabatta Pimeira tem 28 anos e é radialista. Ela foi eleita a primeira vereadora trans do Rio Grande do Norte. — Foto: Cedida

A cidade de Carnaúba dos Dantas, localizada no Seridó potiguar, elegeu neste domingo (15) a primeira mulher trans vereadora no Rio Grande do Norte. Thabatta Pimenta (PROS) teve 267 votos e garantiu uma das nove vagas na Câmara de Vereadores da cidade.

Nas redes sociais, a candidata eleita agradeceu o voto de confiança dos eleitores. “Obrigada Carnaúba, essa vitória é de muitas minorias que finalmente serão ouvidas. Agora é a nossa vez”, escreveu.

Thabatta Pimenta tem 28 anos e conta que desde cedo teve que lidar com o preconceito. Além de ser mulher trans, ela tem um irmão com paralisia cerebral. De acordo com a nova vereadora, Ryan, de 32 anos, dá forças para que ela enfrente as adversidades.

“Enquanto eu puder falar por todos, eu vou falar. Porque o diferente sempre causa isso nas pessoas, mas para a gente é natural, é a nossa vida”, disse ao G1.

Thabatta promete estruturar seu mandato com base nas causas sociais, em favor das minorias. “Meu propósito é dar voz e lutar pelas minorias. Promover políticas públicas que beneficiem não só a classe LGBTQIA+, mas também a pessoa com deficiência. Eles precisam muito de uma voz ativa, que lute pelos direitos deles", disse.

"Eu me preparei para ser essa voz. Eu tenho as minhas lutas como pessoa LGBTQIA+, mas, por causa de Ryan, eu também tenho que levantar a bandeira da pessoa com deficiência”.
Thatatta também luta pelos direitos das pessoas com deficiência. Ela tem um irmão de 32 anos com paralisia cerebral. — Foto: Cedida

Nenhum comentário:

Acessos do blog