3a1

iure veiculos

iure veiculos

AM CARNES

AM CARNES

CREART

CLINICA TRAIRI

CLINICA TRAIRI

pedra cell

rede con

rede con

MARMORARIA

MARMORARIA

apolo

apolo

CASA DO MATUTO

CASA DO MATUTO

Drogaria Topázio

Drogaria Topázio

sábado, 30 de janeiro de 2021

MPF quer identificar responsáveis por festa nos Parrachos de Pirangi

 Evento na última quinta-feira (28) desrespeitou normas ambientais e sanitárias

O Ministério Público Federal (MPF) investiga a realização de festa com centenas de pessoas em embarcações nos recifes marinhos da Ponta do Pirangi, nos municípios de Parnamirim e Nísia Floresta, litoral sul do Rio Grande do Norte, na última quinta-feira (28). O evento clandestino desrespeitou normas ambientais e sanitárias de prevenção à covid-19.

O MPF cobra da Capitania dos Portos, Ibama, Idema/RN e Prefeitura de Parnamirim a adoção de medidas de fiscalização para coibir a prática de eventos irregulares nos Parrachos de Pirangi, bem como a identificação e responsabilização dos envolvidos. Também foi requisitada a instauração de inquérito pela Polícia Federal para investigar possíveis crimes contra o meio ambiente, com ofensa a bens da União, em conexão com a prática de crime contra a segurança dos meios de transporte marítimo e contra a saúde pública. Foi solicitada a oitiva de pessoas identificadas no local, por meio de vídeos e fotos que circulam na imprensa e redes sociais.

Já tramita no MPF procedimento para averiguar a regularidade das atividades turísticas e de lazer no local. Segundo o procurador da República Victor Mariz, o objetivo do MPF é “melhor conservar a biodiversidade regional e ordenar o acesso e o uso da área, bem como se fomentar a criação de uma Unidade de Conservação Marinha no local”. Ele também destacou que “no atual cenário de pandemia de covid-19, com a confirmação de 137.557 casos e 3.259 óbitos no Estado do Rio Grande do Norte, a fiscalização e regularização do acesso a esses espaços atingem, ainda, objetivos sanitários de extrema relevância, especialmente diante do aumento do número de casos nos últimos dois meses no Estado”.

http://www.mpf.mp.br/rn/sala-de-imprensa/noticias-rn/mpf-quer-identificar-responsaveis-por-festa-nos-parrachos-de-pirangi

Assessoria de Comunicação

Procuradoria da República no RN

Nenhum comentário:

Acessos do blog